19 junho 2017

[Especial] Dia do Cinema Brasileiro



Olá, leitores!

O dia 19 de Junho é a data em que se comemora o cinema brasileiro; é uma forma de prestigiar as produções nacionais, mesmo diante de tantas controversas sobre as temáticas abordadas e a qualidade geral das obras.

Longe de querer apontar os melhores filmes produzidos em nosso país, ou mesmo discutir o a maturidade cinematográfica nacional (tendo-se em vista que muitos são os fatores influenciadores nessa questão), queremos apenas pontuar aqui nosso apreço pelos profissionais, que de alguma forma, tentam alcançar o que provoca nossos sentimentos e nos faz pensar sobre os mais variados conflitos, através dessa arte que é capaz de emocionar a todos.

Por isso iremos citar alguns filmes que tivemos a oportunidade de apreciar e que traduzem um pouco nossa cultura.

Central do Brasil



Central do Brasil emocionou com sua história pura, simples e carregada de sentimentos. Trata-se da jornada de um garoto que após perder sua mãe, tenta encontrar seu pai.

O filme conta ainda com a atuação primorosa de Fernanda Montenegro, o que lhe rendeu o Urso de Prata. 

A trama desenvolve-se durante a viagem de Dora e Josué, saindo do Rio de Janeiro até o sertão nordestino.

Belíssimo exemplo de amizade e solidariedade em tempos difíceis. 




Carandiru


Filme baseado na obra "Estação Carandiru", de Dráuzio Varela

O médico passou 10 anos em trabalho voluntário para prevenção da AIDS, na maior casa de detenção da história e no livro nos relata suas experiências durante esse tempo.

O filme mostra como funcionava o presídio sob a ótica de funcionários, detentos e do próprio médico. 

O roteiro é pesado, chocante e a ainda não podemos deixar de citar, a excelente atuação do elenco.




O Auto da Compadecida



O Auto da Compadecida inicialmente tratava-se de uma minissérie em 4 capítulos, com o sucesso que foi, surgiu sua adaptação para o cinema.

Baseado na obra de Ariano Suassuna, o filme mostra as aventuras de Chicó e João Grilo, tendo como cenário o interior da Paraíba.

Os problemas sociais, sobretudo a extrema pobreza do sertão nordestino, são retratados no filme.

Mesmo em tantas críticas para reflexão, o filme é tratado de forma leve e até mesmo cômica com os dois personagens centrais.



Tropa de Elite



O filme baseia-se no livro Elite da Tropa, de André Batista, Rodrigo Pimentel e Luis Eduardo Soares e mescla experiências de Pimentel, um oficial do BOPE, em sua atuação ao narcotráfico no Rio.

Narrado pelo personagem central, a trama mergulha no submundo da corrupção no Brasil, retratando a polícia do Rio espelhada na situação do País.

A inversão de valores é demostrada em boa parte do filme, o que proporciona uma boa dose de sarcasmo às  diversas situações passadas no filme.

Ainda tivemos uma continuação do filme, que segue mais ou menos a mesma linha, porém não conseguiu me entreter tanto quanto ao primeiro.




Esses são os escolhidos para esse post, tem mais alguns que mereciam estar nesta lista também, por serem bons filmes. Mas vou deixar para uma outra ocasião.

E vocês? Já assistiram algum desses? Acrescentariam outros?

Até a próxima!






2 comentários:

  1. Olá Junior, tudo bem?
    Ainda não sou fã do cinema brasileiro, mas já assisti todos os que você citou, e são ótimos. Um que gosto muito é a comédia "Se eu fosse você".
    Abraços!

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu assisti todos que você citou e não me arrependi de nenhum. Entre todos o que mais gosto é O Alto da Compadecida. Eu recomendo também "Os homens são de Marte e é pra lá que eu vou", "O escaravelho do Diabo", "SOS mulheres ao mar" e "Assalto ao Banco Central". Eu particularmente gosto do cinema nacional, nunca assisti um filme que fosse perca de tempo. Temos que valorizar o que temos de bom em nosso país ♥

    ResponderExcluir

Não saia sem deixar um recadinho pra nós!

© Conduta Literária ♥ 2017 - Todos os direitos reservados ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo